Versão para impressão Versão para impressão  
 

Por LEDA CLEMENTE — Diretora de Assuntos Públicos Multiestacas em Alagoas
Revisão e fotos: MARCELO TODARO — Diretor de Assuntos Públicos da Estaca Maceió Brasil

 

Aconteceu no último dia 28 mais uma ação do projeto Mãos que Ajudam em Maceió, no qual mais de seis toneladas de alimentos foram doados a famílias carentes.

Através de doações de membros, amigos e parceiros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, os voluntários de Maceió do Mãos que Ajudam arrecadaram e distribuíram arroz e feijão na Grota do Arroz, na Grota São Rafael e na Associação de Ajuda ao Idoso e Gestante do Bairro Virgem dos Pobres. Em Arapiraca, as instituições beneficiadas foram Lar da Menina, Lar São Domingos e Lar Semear.

Em todo o Brasil, mais de 500 toneladas de alimentos foram arrecadadas e distribuídas a famílias e comunidades carentes e instituições de caridade.

O projeto foi dividido em três etapas. A primeira foi a arrecadação das doações de alimentos. Na segunda, diversas oficinas de armazenamento foram realizadas em todas as capelas de Maceió e Arapiraca, ensinando técnicas simples de conservação de alimentos com uso de cabeças de alho e garrafas pet, numa forma de prevenção e autossuficiência, além de preservação ambiental — cerca de 200 mil garrafas foram reutilizadas e deixaram de serem jogadas no meio ambiente. A última etapa, que fechou o projeto, foi o mutirão que reuniu voluntários na sede das estacas Pajuçara e Arapiraca, onde todos receberam as últimas instruções de segurança e entrega eficiente do alimento nas comunidades escolhidas.

Em Maceió, quando os voluntários chegaram ao local de entrega, os líderes comunitários locais já estavam a postos, vestidos com coletes verdes e lilás para organizar melhor a logística da distribuição.

O projeto Mãos que Ajudam teve início em 1998 e é um programa permanente de ajuda humanitária e de serviço comunitário de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos últimos Dias. A cada ano são realizadas ações diferentes. “Já reformamos escolas, limpamos praças, doamos materiais para o Hospital e Maternidade São Lucas, produzimos e doamos kits para novas gestantes são anos de serviço voluntariado”, disse Frázio Tenório, presidente da Estaca Maceió.

Modelo de solução para um país com tantos desafios sociais, o Mãos Que Ajudam mobiliza milhares de voluntários há 12 anos. Mais de 2 milhões de pessoas já se envolveram nas ações, doando seu tempo, talento e suas mãos para ajudar a transformar realidades, levar alento, conforto e autoestima. Nesta ação, mais uma vez, os voluntários conscientizaram a comunidade e praticaram o exemplo de Jesus Cristo no serviço ao próximo.

As fotos do slideshow abaixo são da ação ocorrida em Maceió. Clique no meio da imagem para iniciar exibição das fotos.

Comentários não são permitidos.