Versão para impressão Versão para impressão  
 

Por Leda Clemente – Diretora de Assuntos Públicos Multiestacas

O Élder Jeffrey R. Holland, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, esteve em Maceió neste dia 25 para realizar um devocional especial com as estacas da cidade, ocasião em que todos foram edificados com um belo discurso focado na família.

O Élder Holland salientou que esta tem sido uma época de muita provação para as famílias. Nosso inimigo tenta exaustivamente destruir a base da família com conceitos que vão contra nossos princípios eternos. A popularização da cultura homossexual é um grande exemplo, mas nós, membros da Igreja, sabemos muito bem o que há por trás disso, basta consultar as escrituras. Por exemplo, qual foi a primeira tragédia descrita na Bíblia? Lendo a história de Caim saberemos a resposta. Qual foi a grande tragédia do Livro de Mórmon? A divisão da família de Leí. Enfim, estudando as escrituras, conheceremos todas as tentativas do inimigo de destruir a família.

Em seguida, o Élder Holland enfatizou que os santos dos últimos dias é o único povo do mundo que possui ordenanças que unem a família para a eternidade, por isso amamos tanto os templos, nos quais se realiza a ordenança do selamento. Ele testificou de forma simples que, se o casamento eterno fosse a única verdade da Igreja restaurada, isso por si só seria motivo suficiente para que se tornasse membro dela, ainda mais tendo a plenitude da verdade.

Ao expressar sua gratidão pela família que formou com sua esposa, Patrícia Holland, ele fez a seguinte declaração que emocionou a todos: “Onde quer que ela esteja, ali é o céu para mim, ali é o meu paraíso. Não existe céu sem ela”.

Depois das palavras do Élder Holland, todos voltaram para os seus lares edificados pelo privilégio de ter ouvido uma testemunha especial de Jesus Cristo.

(Antes do devocional com as famílias, o Élder Holland se reuniu com todos os missionários da Missão Maceió Brasil.)

Colaborou Marcelo Todaro — Diretor de Assuntos Públicos da Estaca Maceió Brasil

Comentários não são permitidos.